Dor nas costas e obesidade


Estar acima do peso é um fator de risco para dor nas costas, nos joelhos e nos pés. Pessoas com excesso de peso sentem mais dores do que as com peso compatível. Juntando isso a um estilo de vida sedentário e alimentação desequilibrada, até a densidade óssea pode ser afetada.

A coluna vertebral é o eixo de sustentação do corpo, por isso acaba sofrendo os efeitos do excesso de peso. Quando a estrutura de um corpo vertebral está comprometida, há risco de fraturas. Além disso, com o deslocamento do centro de gravidade, o corpo tende a se adaptar para manter o equilíbrio, sobrecarregando as curvaturas vertebrais.

Uma região da coluna que é mais vulnerável aos efeitos da obesidade é a da coluna lombar. A falta de exercícios e preparo físico leva à pouca flexibilidade e à fraqueza muscular nas costas, na pélvis e nas coxas. A cada dez quilos a mais do que o recomendado, as chances de dor nas costas e problemas na coluna aumentam em 20%. A má postura também contribui muito para a dor nas costas e no pescoço.

Por isso, o condicionamento físico é tão importante para dar sustentação à coluna. No entanto, se você tem dores na coluna, com ou sem sobrepeso, convém consultar um médico antes de começar uma atividade física.

Recent Posts
Archive
Search By Tags
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Instituto AMO- Tratamento da Obesidade

Rua Jaime Pinheiro, 36

Próximo ao Shopping Iguatemi

Bairro: Guararapes

CEP:60810-250

Fortaleza-Ceará-Brasil


 

 

Telefones:

(85) 3181.4522/3181.4422

(85) 98402.7709 (OI)

(85) 99942.2648 (Tim)


 

 

© Instituto AMO